Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Duas Amigas, Um Blog

Duas amigas de longa data e algumas das histórias que têm para contar. No fundo duas raparigas com uma grande capacidade para dizer parvoíces..

Duas Amigas, Um Blog

Duas amigas de longa data e algumas das histórias que têm para contar. No fundo duas raparigas com uma grande capacidade para dizer parvoíces..

The last nigth!

   Cheguei agora de um jantar de colegas...o meu ultimo jantar com esta trupe porque amanhã vou me daqui para outra obra!

   Em boa hora me vim embora ,porque, diga-se de passagem, já estou meio tocada e não quero que a ultima imagem que eles guardam de mim seja a de uma deprimente bebedeira de caixão á cova.

    Oh Sagres musa da inspiração dizei-me que raio vou eu escrever aqui no blog da parvoíce? De facto hoje não estou inspirada! Não me apetece dizer coisa nenhuma...isto com mais duas ou três "mines" ia lá. Iria fazer aqui uma mega dissertação  inspirada, mas (in)felizmente parei a tempo!

   A Necas quer que eu fale do pobre genro de someone...o tal que, não tem o esperma suficientemente rápido mas não me apetece falar disso tb.

   Oh meu Deus! Acabei de espirrar várias vezes...será que tenho gripe A?...Por falar nisso pergunto-me quantas vezes já someone terá ido ao médico á conta da gripe A? certamente várias!

   Bem acho que vou para a cama ler mais um pouco do livro que comecei hoje; O senhor dos anéis; a irmandade do anel.

   E como hoje foi um daqueles dias em que falei, falei, falei e não disse nem fiz nada aqui fica uma pequena homenagem a mim! Vá! Até amanhã fiquem bem!

      

   Nocas

 

 

 

Someone II

Ahh, Someone...ai Nocas, havia alturas que até me sentia mal,afinal fui eu que cheguei ao contacto com tal personagem...nunca imaginaríamos quando naquele dia de setembro lá chegámos e o pãozinho, lembras-te Nocas, lembras?! O pãozinho estava num pires....no parapeito da varanda. De repente...sabem aquela risada malévola que aparece nos filmes de terror antes de o idiota grupo de amigos ir para dentro do pântano assobrado? Pois foi assim que mais tarde eu e a Nocas percebemos quefora o que sentimos quando vimos o fatídico pãozinho...

 

Uma coisa que eu sempre admirei em Someone era a sua completa e infindável sobrecarga de auto-estima. Como eu não tenho assim muita, achava maravilhosamente interessante que Alguém - a tradução para "someone" lol - achasse que o mundo, ou melhor, o bairro onde vive, girasse à volta dela.

(Todas as pessoas da zona tinham papéis fundamentais na novela que era a vida de Someone. E ela, qual amazona ousada, desafiava tudo e fazia o que queria.)

Bom, Someone tem muita auto-estima porque só alguém assim poderia achar que fazia o maior favor do mundo à filha ao trazer batatas de casa dela e ao deixar que ela pagasse as lentes novas depois de passar um dia inteiro com ela.! Um psiquiatra -> o maior sonho no campo da medicina para Someone - adorá-la-ia!

E o pobre e fraco genro? Ah essa fica para a Nocas contar....

 

Necas

Serviço Público, ao seu dispor

 

Pois bem....Hoje tive um dia..enfim...

Tive que ir a repartições de serviço público. E sabem qual é a coisa mais irritante, mais exasperante desses serviços???? A falta de pessoal. Porque só pode ser essa a razão para que só UMA única pessoa tivesse estado em cada um dos sitios que visitei e me fizesse perder tempo precioso à espera!

Irra, que aborrece!

Fui a um, tinha 3 pessoas à frente. Ok, então 3 é pouco, em principio despacha-se depressa...nahhhh olhem, saí e fui ao outro. Nesse outro a simpática - vá lá - senhora recepcionista estava a fazer uma espécie de entrevista ali mesmo na área de recepção a uns senhores que ou iam ou vinham dos EUA e precisavam de papelada. Mas quando digo entrevista, era daqueles do tipo "e tem "x"?", "e vive onde?", "e como diria que é a situação de...", "como faz "y"?".......estão a ver o género e ainda por cima isto tudo com um intervalo entre perguntas de cerca de 3 minutos, sim, ela tinha que pensar imenso nas respostas do senhor...eu já andava de um lado para o outro e ela lá percebeu a «dica» e perguntou a mim e a um rapazinho (ok, devia ser da minha idade, portanto, jovem senhor lol) o que ele queria e despachou-nos aos dois em menos de um minuto! Caramba isto realmente...então não havia mais ninguém para fazer a - aparentemente - minuciosa entrevista que a senhora do balcão da entrada???

Quando regressei ao outro sitio, tendo pelo caminho passado por um outro, adivinhem?! Estava no meu número!! E vocês pensam, oh mas que sortuda, mesmo na hora H, mas eu cá penso...nos cerca de 25 mn que me levou ir aos outros dois lados, despacharam só três pessoas nesse serviço?? Sim! E porquê? Porque oh meu Deus só estava uma pessoa a trabalhar! Bolas, com tanta gente a querer empregos, e andam estes com falta de pessoal a dar cabo do tempo dos outros...E não me venham com crises, porque os grandes chefões ganham somas ao fim do mês com 5 digítos ou mais.....

Ele há coisas...

 

Necas

 

 

Someone

  Someone! A Necas quer que eu deixe aqui um pequeno apontamento sobre Someone...pois cá vai;

        Someone é ao fim ao cabo a razão de tudo isto! Nós eramos miudas atinadas e cultas até irmos para a universidade, depois conhecemos Someone e tudo mudou...a parvoice instalou-se irremediávelmente nos nossos cérebros e nunca mais voltamos a ser o que eramos!

       Someone é a nossa ninfa inspiradora da parvoice, é na verdade a nossa  ex senhoria. 

É um daqueles seres únicos que Deus fez e depois partiu o molde (não fosse surgir outra igual safa! ). É uma senhora já de certa idade que consegue concentrar em si toda uma vasta panóplia de maleitas. Tem uma vida ocupada, todos os dias ( e acreditem k não estou a inventar) tem k ir a consultas e a exames k a própria faz questão de exigir aos médicos e todos os dias inventa uma nova doença rara! O grave é que depois acha que os jovens estudantes universitários k alberga nas suas paredes têm todo o interesse em ouvir 2 a 3 horas de dissertação sobre essas mesmas doenças! Please...nem eu nem a Necas estavamos em medicina e muito menos em Psiquiatria!

     Bom adiante, a senhora em questão tem outras caracteristicas sui generis (ou lá como isto se escreve), acha-se o supra sumo da cultura, tira inclusivé apontamentos de programas de cultura geral, e tem muitos livros. É que ter muitos livros é ser culto, é pena é que ela tenha a esmagadora maioria deles ainda dentro das embalagens de plástico originais e que na verdade eu nunca a tenha visto a ler nenhum em todos os anos que convivi com ela.

      Também se acha bastante parecida com a britney spears, apesar de ter cerca de 70 anos e pessar cerca do triplo da britney, para além de nunca ter sido loura na vida.

      A  verdade é que nos rimos bastante á conta da velha senhora, com as suas histórias reais e outras ineventadas por nós. Passamos também maus bocados com as suas ideias estapafurdias.

      A ela devemos grande parte da nossa união enquanto amigas e temos também que reconhecer que ela não passa de mais um triste caso de solidão na grande cidade, a esmagadora maioria dos seu problemas de saúde não são mais que tentativas de chamar a atenção das pessoas. Digam o que disserem é triste uma pessoa ter que fazer isto para se sentir importante, por isso cada vez que eu gozo com ela é sempre com um sentimento de culpa. Oh pá sou mesmo bera...até tenho vergonha mas é mais forte que eu e que a Necas ela fazia -nos rir tanto...

 

Deixo aqui este video dos nossos idolos para homenagear a mitica Someone!

 

Nocas

 

 

Cansada

Fisicamente nem por isso, mas só de pensar no que tenho que escrever e quanto tempo ainda tenho de andar nisto...ahh dá cabo de mim.

 

Apetece-me dormir e fechar os olhos e só acordar p'raí em novembro....ok, dezembro, porque depois é o Natal e isso significa....doces!!!!!

 

Estou a sentir-me um bocdo como os sportinguistas, que a noite passada não passaram a eliminatória da Liga dos campeões. Não perderam, mas não ganharam. Eu hoje ando assim, não perdi nada - a não ser tempo a fazer de motorista para a minha mãe - mas não ganhei muito também.

Amanhã tenho que escrever mais, hoje só consegui aí umas 2000 palavras...

A vida de mestrandos não é fácil também, ó Nocas, deusa da arqueologia! :)

 

Nocas, tens que animar isto, estou perigosamente a cair em decadência.

Por que não dizes quem é Someone, esse grande simbolo da hipocondria. Mas não contes tudo, dá só uns apontes, afinal queremos que a coisa se torne interessante.

 

Eu vou dormir, que bem tem de ser....

 

Necas